A cruz, a ressurreição e o evangelho

Marcos 16:14,15, Jesus censura a incredulidade e dureza de coração das pessoas que ao ouvirem falar que Ele havia ressuscitado, não creram. E depois então Ele dá sua ordem a todos para evangelizar o mundo. “Ide, portanto e pregai o evangelho a toda criatura..”.  É de se admirar, portanto quando vemos os membros de várias seitas espalhadas pelo mundo, dando suas vidaspor aquilo que creem.Nós precisamos entender claramente sobre os acontecimentos na cruz, uma vez crendo, e entregando nossas vidas por causa desta fé, devemos com alegria,cumprirmos a ordem de Cristo.

O EVANGELHO DE JESUS.   É melhor pararmos de tecer varias considerações “sobre” o evangelho criando teses a respeito dele, e, ao invés disto, passarmos a “pregá-lo” às pessoas; falarmos a elas da simplicidade do amor de Deus ao enviar seu Filho para nos salvar.

A CLAREZA DO EVANGELHO.   No Salmos 22:1(primeira parte) e também em Matheus 27:46, JESUS está clamando em “alta voz”: “Deus meu, Deus meu, por que me desamparastes?” Quando Ele já desfalecia, ainda encontrou forças para dar este “grito” …com certeza algo muito forte aconteceu.  O que teria acontecido que nem mesmo Jesus sabia? Porque se soubesse não teria perguntado ao Pai, “ por que”.Em João 14:6-10, Felipe pede a Jesus para mostrá-los o Pai, dizendo que se Ele fizesse isto, lhes bastaria. Eles queriam ver o Pai. Então Jesus lhe fala: “Felipe há tanto tempo estou com vocês e vocês ainda não me conhecem? Quem me vê a mim vê o pai, porque Eu e Ele somos um, como ainda me diz: mostra-nos o Pai?”.JESUS, ao ir para a cruz a fim de morrer em nosso lugar, era o único homem na terra que tinha a vida de Deus nEle. Era o único homem na terra que não havia nascido através de uma relação entre um homem e sua mulher. Ele havia nascido de Deus, Deus havia soprado sobre o ventre de uma mulher e assim gerado nela seu filho. Ele era e é o filho de Deus.

A VERDADE DA CRUZ.   Quando na cruz do calvário Jesus bradou em alta voz: “Deus meu, Deus meu, por que me desamparastes?”Estava se cumprindo a palavra que está escrita  emIsaías 53: 1-5”Ele foi traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniqüidades, o castigo que nos trouxe a paz estava sobre Ele e pelas suas feridas fomos sarados”.No livro de Gálatas 5: 19-21, consta uma parte da grande lista das nossas transgressões que mataram a Jesus naquela cruz. Elas saíram de nós para matá-lo, e uma vez entrando nele e o matando nós fomos libertos e não mais somos escravos delas. Por isto está escrito nesses versos que aqueles que praticam tais coisas não herdarão o reino dos céus; mas também está escrito em Provérbios 28:13 que: “.O que encobre as sua transgressões jamais prosperará, mas quem as confessa e deixa alcançará misericórdia”.  Porque onde abundou o pecado superabundou a graça, pela graça fomos salvos, Jesus nos salvou! (Rom. 5:20, Ef.2:8).

COMO ISTO ACONTECEU?No momento em que o Pai estava permitindo a execução de seu filho em favor do mundo, Ele, o Pai, permite a crucificação e morte de seu filho, Jesus assumiu a forma de homem,  como qualquer homem que existia na terra,  como um de nós, um homem, mesmo sendo Deus, ele assume a forma de homem, voluntariamente, como Ele mesmo disse, “ninguém tira a minha vida, Eu vo lá dou”  E, Ele brada em alta voz aquelas palavras… ”Deus meu, Deus meu, porque me desamparastes…”Pasmem-se,  se naquele instante, Felipe se achegasse aos pés da cruz e pedisse a Jesus que lhes mostrasse o pai, com certeza Jesus lhe diria: Felipe! Eu não posso lhes mostrar o pai, eu não vejo mais o pai, o pai não está aqui!!!, Mas, porém tenho uma grande notícia pra você Felipe! Pra você e pra toda a humanidade: Quem me vê agora,  vê você Filipe! Agora eu e você somos um! Eu assumo agora o lugar de todo pecador, Eu assumo agora o lugar de toda a humanidade perdida, sem Deus.

Assim Jesus morreu. Levou sobre ele o nosso pecado, o nosso pecado estava com Jesus na cruz, Ele foi morto pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniqüidades. Jesus se tornou um conosco. Portanto quando Ele morreu, você e eu morremos com Ele! Oh glória! E a palavra diz em Romanos 6:3,4: Que: Todos nós que cremos nesta loucura e fomos batizados em Cristo, fomos batizados (colocados) na sua morte, fomos pois sepultados com Ele na sua morte através do nosso batismo; para que como Cristo foi ressuscitado dentre os mortos pela glória do pai, assim também andemos em novidade de vida, esperando pela nossa ressurreição.

Meu querido e minha querida, façam para Jesus bem mais do que as pessoas que não o conhecem fazem pelos seus deuses. JESUS MERECE, ELE DEU A VIDA DELE PARA SALVAR A SUA, então pregue o evangelho.

Acesse as paginas do Apóstolo Ronilto nas redes Sociais:
Clique no Link


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AMIZADE VERDADEIRA - I SAMUEL 18:1-5

FRASES DO TWITTER DO APÓSTOLO RENÊ TERRA NOVA