Ensine sobre finanças com o seu presente

Foto: Internet
O Natal se aproxima. E você já imagina fazer um agrado para uma criança, seja qual for o grau de parentesco ou amizade. O mais importante nesta hora é você escolher alguma coisa que vá produzir aquele brilho nos olhos e aquele sorriso que o deixa emocionado. Quem resiste a uma criança feliz?
Mas presentes custam dinheiro e, neste momento de dificuldade financeira e salários mais curtos, corroídos pelo aumento generalizado de preços, qual a melhor opção? Eu tenho certeza de que a criança, principalmente se for seu filho ou filha, merece tudo do bom e do melhor, só tem um detalhe: Desde que caiba no orçamento.

Tenha criatividade neste momento. Será que a criança precisa mesmo de um celular de última geração? Quanto custa? Se ele deixar cair ou perder no colégio, será fácil comprar outro? Celular de conta ou cartão? Lembre-se da compra direta e indireta. Compra direta é o celular. Compra indireta é a conta do celular todos os meses. Compra direta é o videogame, indiretamente há os jogos que você terá que comprar.
Quanto custa um bom tênis? Alguns custam mais de um salário-mínimo. Esta é uma excelente hora para você passar educação financeira para as crianças. Diga: “Filho, este tênis custa o mesmo que o salário-mínimo. E o salário-mínimo é a renda mensal da grande maioria dos brasileiros, que trabalham 30 dias para recebê-lo”.
Use a criatividade e mostre o quanto custa cada coisa, comparando umas com as outras. Pode o celular custar o mesmo ou mais que uma geladeira, que dura mais de 10 anos na sua casa? Pode o tênis custar mais do que o pneu do carro, que transporta a família para lá e para cá?
Dê um valor em dinheiro e mostre que ele pode gastar agora ou poupar para que não inicie o novo ano sem dinheiro. Os mais baixinhos sabem exatamente como usar o brinquedo de última geração ou uma bola que proporcionaria a mesma felicidade? Talvez proporcione mais felicidade, porque com a bola várias pessoas podem brincar. Como consultor eu garanto, se é a bola que cabe no orçamento compre-a.
Não viva de aparências. Muitas pessoas estão endividadas porque querem aparecer com um belo presente, para que todos possam ver. Aproveite o momento financeiro que estamos passando, para mostrar que a renda da família está mais curta e que devemos poupar, porque existem sonhos maiores a conquistar.
Dinheiro foi feito para gastar, mas gaste apenas aquele que você tem. Cheque especial não é seu, no cartão de crédito tudo que você compra tem que pagar! Ensine educação financeira com seu presente, porque as crianças merecem!

Por Erasmo Vieira
Fonte: http://www.lagoinha.com/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AMIZADE VERDADEIRA - I SAMUEL 18:1-5

FRASES DO TWITTER DO APÓSTOLO RENÊ TERRA NOVA