Quando Deus nos poda

Foto: Internet
“Eu sou a videira verdadeira, e meu Pai é o agricultor. Todo ramo que, estando em mim, não dá fruto, ele corta; e todo que dá fruto ele poda, para que dê mais fruto ainda.” (Jo 15.1,2)
Este texto nos ensina que o ramo que não dá fruto o Senhor corta, mas o que está dando fruto Ele poda. O ramo que está dando fruto é aquele que já está na igreja e vivendo o evangelho. Para esse Deus tem mais. Não importa o quanto você é frutífero no Reino por meio da poda do Agricultor você pode dar mais fruto.
O que é a poda? “Poda, em paisagismo e jardinagem é a prática de remover partes doentes, não produtivas, ou também partes indesejadas de uma planta. A proposta da poda é dar forma à planta controlando ou direcionando o crescimento dela, mantendo sua saúde, ou aumentando o rendimento e qualidade das flores e frutos.

A poda feita pelo agricultor visa retirar do ramo partes doentes e desnecessárias do mesmo para que ele possa dar fruto. É interessante pensar que mesmo dando fruto galhos e partes doentes se desenvolvem num ramo de forma que ele necessite de poda. Se a poda não for feita essas partes doentes e desnecessárias, desenvolvidas enquanto havia frutificação, podem impedir o ramo de dar mais fruto. Muitas vezes estamos frutificando, mas não percebemos que junto ao fruto que damos coisas desnecessárias e doentes vão paralelamente se desenvolvendo em nós.
Os discípulos de Jesus tiveram isso mas o próprio Jesus disse: “Todo ramo que, estando em mim, não dá fruto, ele corta; e todo que dá fruto ele poda, para que dê mais fruto ainda. Vocês já estão limpos, pela palavra que lhes tenho falado” (Jo 15.2,3). Jesus disse que por meio de sua Palavra os discípulos já estavam limpos. A poda pela Palavra já estava feita neles. Quando nos expomos e obedecemos a Palavra, o Senhor retira de nós o que irá nos impedir de dar fruto. Contudo, quando não ouvimos o que Deus nos diz e obedecemos a sua direção passamos por situações que Ele usará para nos podar.
Jesus alertou a Pedro que o mesmo o iria negar. Em vez de Pedro ouvir o que Jesus dizia e clamar por ajuda, ele afirma sua autossuficiência dizendo que jamais negaria a Cristo. Sobre esta situação Jesus disse: “Simão, Simão, Satanás pediu vocês para peneirá-los como trigo. Mas eu orei por você, para que a sua fé não desfaleça. E quando você se converter, fortaleça os seus irmãos” (Lc 22 31,32).
Observe que Jesus não orou para que a situação não acontecesse, mas para que a fé dele não desfalecesse. Observe também a expressão “peneirar como trigo”. O processo de peneira é para manter o grão de trigo e retirar toda a impureza. Na peneira há uma seleção que retira o que não é bom do trigo para que depois da peneira só reste o que será aproveitado. Peneira nos traz a mesma ideia de poda. Pedro não seria destruído pela situação, ele seria apenas peneirado ou podado para que pudesse ser um excelente grão de trigo e assim fortalecesse os seus irmãos.
No processo de amadurecimento passamos por “peneiras” que podem em um primeiro momento parecer que estão nos destruindo mas que no final será apenas uma poda de impurezas que redundarão em um cristão melhor e mais maduro capaz de abençoar a outros.

Fonte: http://www.lagoinha.com/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FRASES DO TWITTER DO APÓSTOLO RENÊ TERRA NOVA

AMIZADE VERDADEIRA - I SAMUEL 18:1-5