Homens honrando sua esposa acima dos seus interesses pessoais

Foto: Jean Assis
Um homem deve amar a esposa e protegê-la, bem como a família, buscando atender às necessidades dela antes das suas próprias. Poucos homens entendem e praticam essa verdade que se encontra em Efésios 5.25-28. Infelizmente, eles têm pensando, primeiro em seus interesses: trabalho, lazer, amizades, dentre outros. Cada homem foi criado por Deus para ser um protetor, que ama além das circunstâncias e dos problemas.
O seu interesse não pode ser o mais importante, ele abre mão, e se sacrifica. Em Gênesis 2.15 – Deus está dizendo para o homem: “Estou colocando você no Jardim não somente para trabalhar e cultivá-lo, mas também para protegê-lo — incluindo os animais, as plantas e a mulher que vou criar. Você é o protetor”. O homem foi criado para proteger, ele é um guarda de segurança de Deus.

Quando ele aparece, todos devem se sentir protegidos e guardados. A mulher, devido a sua natureza, necessita de cobertura e de proteção. O homem deve providenciar tudo para ela: segurança, cobertura, recursos, conselhos, o conforto de saber que ele está ali para ajudá-la. A esposa e os filhos de um homem deveriam sentir-se completamente em paz em sua presença. Deus deseja que os homens sejam capazes de enfrentar os desafios da vida diretamente e estabelecer um plano de ação.
O homem tem uma natureza protetora, que o leva a resguardar aquilo que é seu, como sua esposa, seus filhos e seus bens. Nada no mundo pode abençoar mais um homem do que se sentir responsável pela segurança de sua família. O homem se sente ferido quando percebe que ele não participa da proteção de sua esposa e dos seus filhos, sente-se apenas um visitante no seu próprio lar — comendo e dormindo lá, sem contribuir para o bem-estar de sua família. Seu casamento é sua responsabilidade. Você já se deu conta de que, como líder de sua casa, a maior responsabilidade pelo sucesso de seu casamento está em você? Você está à frente.
Muitos homens são como Adão, depois que pecou no Jardim do Éden: Culpam suas esposas por tudo que dá errado. Muito raramente uma esposa dará fim a um casamento se o marido estiver conduzindo-a bem, honrando-a e amando-a incondicionalmente. Devemos ser corajosos e estar sempre dispostos a dar o primeiro passo, colocar nossas vidas em ordem e então conduzir nossas mulheres pelo nosso exemplo de amor. Deus colocou algo nos homens que requer coragem, e quando um homem usa essa coragem para liderar sua esposa com bondade, ela tende a florescer. Ela irá respeitá-lo melhor e experimentar uma sensação ótima de segurança.
Ela vai seguir o seu líder e vai se sentir segura em fazer isso. Mas quando uma esposa vive sem um líder, ela se sente constantemente forçada a preencher essa posição. Como ela conduz seu marido, seu respeito por ele enfraquece e ele tende a e se tornar ainda mais passivo ao longo do tempo. Vai haver ressentimento e insegurança em ambos. Ninguém ganha. Todo mundo perde. A liderança masculina se destina a abençoar e honrar as esposas da melhor maneira possível. Adotar essa prática dá grande alegria e autoconfiança para elas, ajudando-as a exercer as habilidades, a graça e a beleza concedidas por Deus com liberdade.
O Senhor já nos deu tudo o que precisamos para sermos homens de verdade. Ele nos deu seu próprio Espírito. Na Bíblia, os homens que confiaram em Deus ficaram cheios de esperança. Eles sabiam, sempre, que seriam vencedores. Deus lhes deu uma habilidade maravilhosa, força e armas espirituais para proteger e guardar tudo que Ele confiou aos seus cuidados, como a sua amada esposa.

Por Pr. Newton Rodrigues
Fonte: Lagoinha

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FRASES DO TWITTER DO APÓSTOLO RENÊ TERRA NOVA

AMIZADE VERDADEIRA - I SAMUEL 18:1-5