A ORAÇÃO ABRE AS PORTAS DOS CÉUS

“Orai sem cessar.” (I Tessalonicenses 5:17)

Verdade Central:
Para que o reino espiritual seja aberto em nossas vidas, o caminho a ser percorrido é através da oração, pois ela nos leva ao mundo espiritual e Deus nos mostra as diretrizes para que sejamos vencedores frente ao complô satânico que luta ferozmente para nos parar e nos frear. Por isso, devemos treinar o nosso espírito de maneira que ele permaneça ligado ao Trono de Deus 24 horas por dia. 

Introdução:
A oração não ameniza um problema, ela o resolve, porque é um diálogo com Aquele que tudo pode. Não existe um filho que chegue diante do Pai, e, pedindo, de acordo com Sua palavra, fique sem uma resposta que encha o seu coração de alegria (ainda que não seja o que está esperando).
No episódio da ressurreição de Lázaro, Jesus orou em voz alta para que todos entendessem que tudo é movido por oração, e que todas as coisas acontecem sob o Seu comando. Mas, Ele tinha uma vida regada a oração e jejum. Tudo só começa a acontecer, de fato, a partir do momento em que a oração passa a ser um estilo de vida. É o ato profético que concretiza as bênçãos dos Céus para nós.

A oração move o braço de Deus
Deus gosta de responder oração e, digo com convicção, tudo o que tenho e sou é por efeito da oração, e tudo na nossa história de vida é resultado dela. As pessoas que vemos hoje na Igreja são fruto de muitas orações, ou seja, alguém pagou um preço de oração por elas. Isso porque toda a oração tem resposta, se não a limitarmos ou colocarmos bloqueios, já que qualquer oração feita com fé será prontamente respondida.
O sucesso de um líder está na oração, que é a chave que move o braço dAquele que rege o Universo, Jesus. Através da oração, o Senhor abre portas e caminhos ao Seu povo. Deus diz: “...eis que porei um caminho no deserto, e rios no ermo.” (Isaías 43:19). O ermo é um lugar desértico, onde não há um caminho específico para se seguir. É aí que Ele abrirá o caminho para que possamos encontrar a rota certa.
Ao sair do Egito, o povo de Deus não tinha para onde correr: de um lado estava o deserto; atrás, havia o exército de Faraó; do outro lado, as montanhas; na frente, o mar. E o que fez Deus? Abriu um caminho no meio do mar. O inimigo quis se aproveitar do caminho do povo de Deus, mas foi tragado.

A carne é mortificada pela oração
Qual a oração que tem efeito? Digo que é aquela pela qual se chega adequadamente diante do Senhor. A pessoa deve ter o coração quebrantado, sincero e disposto, além da essência da fé. É aí que verificamos o quanto precisamos aprender a “morrer” diariamente para a nossa carne, nossas vontades. Quanto mais morremos na carne, nas nossas vontades, Deus começa a operar. Quanto mais perto de Deus você estiver, mais humilde ficará, porque verá o quanto Ele é Santo, e você, pecador e necessitado dEle.
A oração que toca o coração de Deus é aquela na qual o homem deixa-se morrer. Aquele que ama a Deus não vive na prática do pecado e, sim, para Deus em santidade. A carne deve estar subjugada ao Espírito, pois, para o cristão, o Espírito é Senhor e a carne é serva. Você não deve ser o que deseja sua carne, e, sim, o que o Espírito quer, pois este manda na carne. É assim que se vence a carne: através do Espírito que nos vivifica. “Porque, se viverdes segundo a carne, morrereis; mas, se pelo Espírito mortificardes as obras do corpo, vivereis.” (Romanos 8:13)

Deus ouve o coração quebrantado
Algumas pessoas oram por um propósito e, caso Deus lhes dê outra direção, não aceitam. Não sabemos se a resposta que Deus nos dará é a que queremos ouvir, mas devemos estar dispostos a obedecer.
Devemos ter a certeza de que toda e qualquer situação poderá ser revertida pela oração. A oração do justo é poderosa nos seus resultados. Se você é justo e ora, o resultado será poderoso. “Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.” (Tiago 5:16)
Uma pessoa pode receber a resposta que deseja lutando por ela na força do próprio braço e, ao consegui-la, descobrir que não era o melhor. Todavia, se sua causa for apresentada diante do tribunal de Deus, deixe Ele decidir o que é melhor para a sua vida, ainda que você não entenda tal decisão. Saiba que Deus não é surdo. Ele ouve suas orações, e, no momento certo, as responderá. “Porque os olhos do Senhor estão sobre os justos, E os seus ouvidos atentos às suas orações” (I Pedro 3:12a). Lembre-se do que Jesus disse: “Pai, tu sempre me ouves.” (João 11:42)
Ninguém nunca se encherá totalmente de oração, mas ela enche taças e taças diante de Deus. “E, havendo tomado o livro, os quatro animais e os vinte e quatro anciãos prostraram-se diante do Cordeiro, tendo todos eles harpas e salvas de ouro cheias de incenso, que são as orações dos santos.” (Apocalipse 5:8). Na hora que você precisar, Ele mesmo derramará as respostas das taças de intercessões que você colocou diante do Seu Trono, e, então, você será poderosamente abençoado. A oração é algo que nos traz segurança, pois Deus tem prazer em respondê-la. Quanto mais ligado ao Trono, mais resposta você terá (Daniel 1:4).
A oração, além de abrir caminhos no sobrenatural, ensina-nos a ser verdadeiros, sinceros. Certo dia, Davi encontrou-se numa situação em que seu conceito com Deus estava em baixa e, para o homem que foi considerado segundo o coração de Deus, faltou até destreza para orar. Ele ficou sem ação para buscar ao Senhor. Davi aprendeu a rota da adoração após perder muitos privilégios com Deus e só conseguiu obtê-los de volta, creditados em sua oração, quando se humilhou.
Deus ouve o coração quebrantado. Você pode fazer a oração que quiser, contudo, se não tiver quebrantamento, não terá resposta! O líder que deseja conhecer a glória de Deus deve ter um coração quebrantado. Veja como Davi se expressa no Salmo 86:
“Inclina, Senhor, os teus ouvidos, e ouve-me, porque sou pobre e necessitado. Preserva a minha vida, pois sou piedoso; ó Deus meu, salva o teu servo, que em ti confia. Compadece-te de mim, ó Senhor, pois a ti clamo o dia todo. Alegra a alma do teu servo, pois a ti, Senhor, elevo a minha alma. Porque tu, Senhor, és bom, e pronto a perdoar, e abundante em benignidade para com todos os que te invocam. Dá ouvidos, Senhor, à minha oração, e atende à voz das minhas súplicas. No dia da minha angústia clamo a ti, porque tu me respondes. Entre os deuses nenhum há semelhante a ti, Senhor, nem há obras como as tuas. Todas as nações que fizeste virão e se prostrarão diante de ti, Senhor, e glorificarão o teu nome. Ensina-me, Senhor, o teu caminho, e andarei na tua verdade; dispõe o meu coração para temer o teu nome. Louvar-te-ei, Senhor Deus meu, de todo o meu coração, e glorificarei o teu nome para sempre. Pois grande é a tua benignidade para comigo, e livraste a minha alma das profundezas do Seol. Pois grande é a tua benignidade para comigo, e livraste a minha alma das profundezas do Seol. Ó Deus, os soberbos têm-se levantado contra mim, e um bando de homens violentos procura tirar-me a vida; eles não te puseram diante dos seus olhos. Mas tu, Senhor, és um Deus compassivo e benigno, longânimo, e abundante em graça e em fidelidade. Volta-te para mim, e compadece-te de mim; dá a tua força ao teu servo, e a salva o filho da tua serva. Mostra-me um sinal do teu favor, para que o vejam aqueles que me odeiam, e sejam envergonhados, por me haveres tu, Senhor, ajuntado e confortado.”
A oração é um caminho construído à base de intimidade com Deus. É como se fosse um casamento onde o diálogo é uma poderosa ferramenta para a sua sobrevivência. Com Deus, deve existir um diálogo de sinceridade, humildade e quebrantamento.
Como líder, seja um referencial de oração e quebrantamento. Que você construa diariamente um caminho de intimidade com o Pai, crendo que, através da sua oração, portas de bênçãos se abrirão para sua vida, família e ministério.

Fonte: MIR

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AMIZADE VERDADEIRA - I SAMUEL 18:1-5

FRASES DO TWITTER DO APÓSTOLO RENÊ TERRA NOVA