Eu não sei perder

derrota
Nunca perderemos por confiar em Deus, e é bem melhor confiar agora que esperar vir o arrependimento por não ouvir a voz de Deus.
“Não consigo comer, porque ando sempre a suspirar de aflição; os meus gemidos jorram como água. Aquilo que sempre receei acabou por me acontecer. Nunca tive muito sossego e descanso; pois apesar disso a desgraça caiu-me em cima.” ( Jó 3: 24-26)

Tenho percebido ao longo dos anos, a dificuldade que as pessoas têm de aceitar qualquer tipo de perda. No momento em que perdemos naturalmente o propósito se esvazia, as coisas ficam mais obscuras, os obstáculos vão ficando cada vez maiores na nossa mente, perdemos o brilho nos olhos. A verdade é que a vontade natural humana é de desistir de tudo aquilo que um dia foi perdido de alguma forma, ou em algum dia.

Imagine se em um dia como qualquer outro, você acostumado com as atividades rotineiras do seu trabalho que te faz levantar bem cedo, tomar um banho, um café e chegando ao seu local de trabalho, encontra as portas fechadas. A empresa faliu, perderam tudo e consequentemente você está desempregado. Tendo obrigações para cumprir, você então resolve ir até o banco para retirar o restante do seu dinheiro da conta para pagar os boletos que estão vencendo e comprar um bolo para comemorar o aniversário de três anos de seu filho, que é logo neste dia em que não tem trazido surpresas agradáveis. Como se não bastasse, chegando ao banco você é informado que não há nada na sua conta, que você havia retirado tido no ultimo mês e havia se esquecido, você não tem nenhum centavo.

Parece que o seu dia não está muito agradável, você resolve voltar para sua casa. Adentrando a sua porta você encontra seus filhos aos prantos porque alguns ladrões durante a madrugada entraram na sua casa e roubaram tudo que você havia comprado ao longo de sua vida. Acredito que seus sentimentos não são os melhores.

No início do artigo fiz a citação de alguns versículos do livro de Jô que foi homem fiel e abençoado por Deus perdeu, num dia só, todas as suas posses e todos os seus filhos. Logo depois, foi atacado por uma terrível enfermidade. Inclusive, Jó questionava a Deus porque se manteve fiel sempre e mesmo assim perdeu tudo.

A própria esposa foi contra Jó, e disse: "Amaldiçoa a Deus e morre" (Jó 2:9).

O livro de Jó trata de um dos assuntos mais difíceis na experiência humana: como entender e lidar com perdas e dor. Há algum tempo atrás eu e minha família tivemos uma perda que acredito que tenha sido uma das maiores decepções de nossas vidas, perdi um primo que muito amava. Foi aí que parei para pensar o quanto o ser humano é incapaz de lidar com perdas, queremos ganhar, fazemos de tudo para conquistar, fazemos de tudo para evitar a perda.

O que fazer para sofrer menos? Será que existe uma fórmula que nos ajude a lidar com esse tipo de situação? A resposta é confiar em Deus. Precisamos exercer a nossa fé e permitir que o Espírito Santo trabalhe em nossas vidas fazendo com que o julgo se torne suave e o seu fardo mais leve.

Existe algo que precisamos entender e que vai sanar alguns questionamentos e murmurações. Pessoas boas também sofrem. Na Bíblia nunca nos foi dito que neste mundo não teríamos aflições. Se hoje você está passando por um tipo de aflição não é uma vingança de Deus porque ele acha que você é ruim, é simplesmente um tratamento. Nunca perderemos por confiar em Deus, e é bem melhor confiar agora que esperar vir o arrependimento por não ouvir a voz de Deus.

Podemos citar o primeiro versículo do livro de Jó que define, do ponto de vista de Deus o caráter de Jó: "Havia um homem na terra de Uz, cujo nome era Jó; homem íntegro e reto, temente a Deus e que se desviava do mal." aprendemos em vários trechos bíblicos que a dor e a tristeza atingem as pessoas boas e dedicadas. Jó, um homem íntegro, sofreu imensamente.

Jó pediu desculpas a Deus por ter duvidado da justiça e da bondade do Criador:

"Na verdade, falei do que não entendia; coisas maravilhosas demais para mim, coisas que eu não conhecia....Por isso, me abomino e me arrependo no pó e na cinza" (Jó 42:3,6).

Thais Onofre Caixeta de Freitas
Fonte: Guiame.com.br

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FRASES DO TWITTER DO APÓSTOLO RENÊ TERRA NOVA

AMIZADE VERDADEIRA - I SAMUEL 18:1-5