Você é sensível a Deus?

Somos capazes de chorar por causa de um filme, vibrar por um time de futebol e perder a noção de tempo na companhia de um grande amigo. Mas diante da presença de Deus, quais têm sido as nossas reações? Temos nos maravilhado com o Rei do Universo?
A Bíblia nos conta que Isaías, ao ver a glória de Deus, foi tomado por tão grande temor que disse: “[...] Ai de mim! Estou perdido! Pois sou um homem de lábios impuros e vivo no meio de um povo de lábios impuros; os meus olhos viram o Rei, o Senhor dos Exércitos!“ (Isaías 6.5). Esse trecho revela que a cada passo que damos para mais perto do grande “Eu Sou”, mais nos convencemos de quão pequenos somos.  Essa é a sensação de quem realmente experimenta a presença do Senhor.

Davi foi um homem que desejou ardentemente a companhia de Deus.  Ele viveu de forma sincera e revelou os seus mais íntimos sentimentos ao Criador.  Davi elevou os olhos aos céus nos momentos de aflição, rasgou as vestes ao se arrepender de seus pecados e entoou cânticos de adoração a Deus depois de cada vitória. É fácil imaginar por que esse grande rei de Israel ficou conhecido como o “homem segundo o coração de Deus”.
Na maior prova de amor que o mundo já viu, Deus entregou o seu filho Jesus para morrer pelos nossos pecados e, assim, nos deu o caminho para estarmos próximos Dele. Cabe a nós nos render ou resistir a essa oportunidade. Se decidirmos ser sensíveis a Deus, agora, poderemos nos alegrar todos os dias com a presença Dele. Além disso, viveremos com a esperança de um dia nos encontrarmos face a face com o Rei da Glória. “Agora, pois, vemos apenas um reflexo obscuro, como em espelho; mas, então, veremos face a face. Agora conheço em parte; então, conhecerei plenamente, da mesma forma como sou plenamente conhecido” (1 Coríntios 13.12).
:: Giovanna Evelyn Rosa de Paula
Foto: Internet
Fonte: http://www.lagoinha.com/

Comentários

Postagens mais visitadas