O MINISTÉRIO PASTORAL: UM DOS LADOS.

O ministério pastoral é abençoador e um chamado maravilhoso, mas definitivamente não é um pic-nic e não é fácil. Há aspectos negativos no ministério que devem ser considerados e enfrentados com sabedoria, fé e dependência do Eterno.

ACEITAÇÃO. Nem todo mundo vai gostar de você. Você nunca agradará a todos..

OPOSIÇÃO. Você vai irrita as pessoas, independentemente de quão amorosa e piedosamente voce lida com o rebanho. Isso vem com o cargo e a posição de liderança

SUCESSO. Você vai se sentir como um fracasso muitas vezes, e quando você aparentar algum sucesso, o fruto que é produzido ou alcançado não pode ser creditado em sua conta.. Só Deus dá o crescimento ( 1 Coríntios. 03:07 ). Assim, há pouco "sentimento de realização no ministério, ou de sucesso pessoal" pois tudo que acontece é apesar do pastor. 

LUTAS. Você vai lutar contra o legalismo, liberalismo, preguiça, ignorância, tradicionalismo, novos movimentos de heresia, comportamento carnal, contra o diabo. No entanto, seu maior inimigo será o seu próprio coração ( Jer. 17:09 ).

PARADOXO. Nem todo mundo vai responder positivamente à sua pregação, ensino ou liderança. Você vai levar as pessoas às lágrimas com o mesmo sermão: uns lágrimas dealegria e outros, lagrimas de ira. Se você for um pregador alegre, alguns o considerarão raso; se usar de erudição, o chamarão esnobe.

CRITICAS. Você vai ser criticado, isto é mais do que certo. Raramente será pessoalmente. Isto geralmente acontecerá pelas suas costas. Muitas dessas criticas virão daqueles que lhe conhecem, que você serviu com dedicação, mas que certamente não gostam de você em tudo. E também virá de outros pastores e e cristãos não lhe conhecem. 

DESISTENCIA. Você enfrentará pressões e lutas que o levarão a pensar em desistir anual ou mensal, ou semanalmente ou até mesmo diariamente.

PERSEGUIÇÃO. Você enfrentará perseguição por pregar a verdade inclusive daqueles irmãos e irmas sentados no banco da congregação. Isso porque a verdade estará " prejudicando" a familia deles ou amigos deles que estão em pecado.

SOLIDÃO.Muitas vezes você sofrerá sozinho, pois não deseja sobrecarregar seu cônjuge ou sua família. Por outro lado a mentalidade enganosa de muitos pastores que eles são super-cristãos e que não podem compartilhar suas lutas e medos com outros , fazem muitos ficarem isolados e sozinhos. A solidão pode levar um pastor a voltar a antigos pecados, que ele acha que já venceu.

HONRAS E RECOMPENSAS. Muitas vezes um pastor vai, provavelmente, pastorear uma igreja pequena e estagna em quase tudo. Os lideres daquela igreja se opõe à mudança; não pagam com dignidade o obreiro; não respeitam a posição e a liderança espiritual do pastor; e só ajudam e seguem o pastor quando o mesmo concorda com eles, isto é, eles só seguem eles mesmos. Em igrejas assim os pastores vem e vão quase que anualmente. Com trabalho, oração e jejum, sofrimento uma nova geração de lideres e o favor do Eterno as coisas irão mudar para melhor, mas é preciso tempo.

Com orações para que haja perseverança e alegria no seu ministério pastoral e no exercício de sua liderança. 

Pastor Jeremias Pereira

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FRASES DO TWITTER DO APÓSTOLO RENÊ TERRA NOVA

AMIZADE VERDADEIRA - I SAMUEL 18:1-5