Pular para o conteúdo principal

Eu Entendo

“Pois não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas, mas sim alguém que, como nós, passou por todo tipo de tentação, porém, sem pecado.” ­ (Hebreus 4.15)
Nós, seres humanos, temos uma necessidade profunda de sermos compreendidos. Quando não somos, nos sentimos sós. Quando ouço as pessoas se abrirem sobre suas mágoas e pesares, vejo que as palavras “eu entendo” têm um efeito incrivelmente tranquilizador. Eu disse ao meu marido certa vez: “Mesmo que você não tenha ideia do que eu estou falando, só me dizer que me entende já me faz sentir bem melhor”. Não há como um homem entender sobre TPM, mas é melhor ele fingir entender o que sua esposa está passando. Ela precisa ser compreendida. Ela não quer se sentir só na sua dor e dificuldade.
Um dia meu marido voltou pra casa depois de ter ido tentar jogar golfe. Ele não teve uma boa experiência porque sua perna estava doendo e inchada. Não estava feliz com isso. Seu jogo de golfe é muito importante para ele, de modo que eu disse que entendia como ele se sentia. Eu me ofereci para ajudá-lo como pudesse fisicamente, mas o fato de tê-lo compreendido pareceu ajudar mais do qualquer outra coisa.
Houve ocasiões que minha atitude teria sido: “Qual é o problema? É só um jogo de golfe. Afinal de contas, você joga o tempo todo”. E essa atitude nos levava a discussões e construía um muro entre nós. Ele queria que eu entendesse suas necessidades, e eu queria que ele entendesse as minhas.
Um dos meus versículos favoritos na bíblia é Hebreus 4:15, que nos ensina que Jesus é um sumo sacerdote que entende as nossas fraquezas e enfermidades porque Ele foi tentado em tudo como nós somos, porém sem pecar. Só de saber que Jesus entende como eu me sinto faz com que eu me aproxime mais dele. Isso me ajuda a ser vulnerável e confiar Nele. Ajuda-me a sentir-me conectada a alguém e não sozinha.
Fonte:lagoinha.com

Comentários

Postagens mais visitadas